Sampaoli elogia fase de Keno e espera por mais equilíbrio entre os demais atacantes da equipe

 Sampaoli elogia fase de Keno e espera por mais equilíbrio entre os demais atacantes da equipe

Com seis gols nos últimos dois jogos, Keno se tornou o artilheiro isolado do time no Brasileirão

A fase de Keno no Atlético-MG é realmente iluminada. Além de marcar dois hat-tricks consecutivos no Basileirão, o atacante foi o responsável pelo gol de número 2 mil da equipe na história da competição. Nas vitórias contra Atlético-GO e Grêmio, o jogador foi o grande nome da equipe e atraiu todos os holofotes. A fase, obviamente, agrada o técnico Jorge Sampaoli. No entanto, o treinador já pensa em uma maneira de equilibrar esse ataque alvinegro.

Com seis gols marcados na competição, Keno é o artilheiro isolado da equipe no Brasileiro, seguido por Alan Franco com três, Marrony e Nathan, com dois. No quadro geral, o atleticano é superado por Thiago Galhardo (9), Cano (7) e Marinho (7), respectivamente jogadores de Internacional, Vasco e Santos.

– Tivemos um jogador com um nível de qualidade altíssimo como o Keno, que teve a chance de converter três gols. Temos que ter, também, outros jogadores com a mesma eficácia no ataque para equiparar ao Keno, para que, quando ele não estiver bem, a equipe tenha as mesmas chances de marcar.

Criticado em alguns momentos pelo torcedor, Keno deu a volta por cima nos últimos jogos. Além dos dois hat-tricks nas duas últimas partidas, o atacante havia colaborado com uma assistência para Savarino anteriormente, o que vêm mudando sua relação com o torcedor neste momento da temporada, em que houve uma certa demora para que ele alcançasse seu melhor desempenho.