Paulo Cupertino passou por 7 cidades e se escondeu em sítio do MS após matar ator Rafael Miguel e pais dele e fugir de SP; veja fotos

 Paulo Cupertino passou por 7 cidades e se escondeu em sítio do MS após matar ator Rafael Miguel e pais dele e fugir de SP; veja fotos

Procurado pela polícia, ele já esteve em 4 cidades paulistas: Sorocaba, Águas de São Pedro, outra cidade não informada e Campinas. Também foi para Ponta Porã e Eldorado, no Mato Grosso do Sul, e Jataizinho, no Paraná. Nos dois últimos destinos, usava nome falso de ‘Manoel’.

Levantamento do G1 mostra que Paulo Cupertino Matias passou por pelo menos sete cidades de três estados e se escondeu, até a semana passada, num sítio no Mato Grosso do Sul depois que matou o ator Rafael Miguel e os pais dele, no ano passado, em São Paulo.

O empresário atirou nas vítimas porque não aceitava o namoro da filha, Isabela Tibcherani, com o artista. Depois do crime, ele fugiu e, desde então, é procurado pela polícia.

Até o dia 27 de outubro, Cupertino estava trabalhando num curral em Eldorado (MS), onde cuidava do gado de um sitiante. Ele teria ficado no local entre 8 e 15 meses.

Na região, era conhecido como ‘Manoel Machado da Silva’, nome falso que adotou para despistar os policiais. Além disso, usava barba branca e comprida e um boné como disfarces.

Dias depois, a Polícia Civil de São Paulo foi até a cidade sul-mato-grossense e conseguiu fotos que mostram a fisionomia mais recente do criminoso, que fugiu novamente.

Até a publicação desta reportagem, Paulo continuava foragido da Justiça. Ele está na lista dos mais procurados de São Paulo. Quem tiver informações sobre seu paradeiro pode ligar para o Disque-Denúncia pelo número de telefone 181. Não é preciso se identificar.

Fonte: G1