Entrevista com Dayanne, fundadora do grupo Guerreiras do Asfalto

Defensora dos direitos e garantias individuais e coletivos das mulheres e dos menos favorecidos Dayanne utiliza o esporte para a melhoria da qualidade de vida

A entrevistada da semana do bocaiuvaonline é natural de Bocaiúva/MG, graduada em Direito, pós graduada em Direito Notarial e Registral, registradora substituta no Cartório de Registro de Imóveis de Bocaiúva/MG e fundadora do Grupo Guerreiras Do Asfalto.

Bocaiuvaonline

Dayanne Karoline Maia de Souza, mais conhecida nas redes sociais como Dayanne Prates tem 30 anos e é fundadora de um dos maiores grupos de esportistas autônomos de Bocaiuva, que tem como objetivo o incentivo ao esporte, como forma de obtenção da qualidade de vida, para transformar a vida das pessoas ao seu redor.

O nascimento do grupo Guerreiras Do Asfalto se deu, quando Dayanne conheceu sua amiga, também praticante de muitas modalidades esportivas, Amanda Ferreira e começaram a correr juntas. Na primeira competição em que participaram, a Corrida do Senhor do Bonfim de 2017, souberam que havia outra mulher, Irany de Souza, correndo pelas ruas da cidade com a mesma frequência que elas, então se aproximaram da Irany e começaram a fazer os treinos juntas.

Primeira corrida com direito a premiação – Corrida do Senhor do Bonfim em Bocaiúva.

Já na primeira corrida fora da cidade, elas encontraram outra bocaiuvense, Kakau Vieira, que passou a integrar o grupo e foram batizadas, nesse mesmo dia, pela respeitada professora de Literatura e mãe de Amanda, Cidália Rosa, de Guerreiras do Asfalto. O grupo foi criado pelo WhatsApp em 04/Set/2017 pela atual presidente, Dayanne.

Nesta foto, as primeiras integrantes do grupo Guerreiras Do Asfalto. Kakau, Dayanne, Amanda e Irany (da esquerda para a direita)

O objetivo central do grupo é incentivar as mulheres a prática do esporte, através, inicialmente, da corrida, o que foi crescendo e o objetivo se tornou o empoderamento feminino; onde as mulheres tem o controle de suas vidas em todos os aspectos. A intenção é de encorajamento, mostrar para as mulheres que elas podem tudo aquilo que elas quiserem, que elas devem ser felizes por si mesmas; além de melhorar o sentimento de benignidade consigo mesmas, a intenção é que as mulheres não se permitam ser excluídas, abusadas física, pisíquica e materialmente.

Outro objetivo do grupo é resgatar a autoestima, principalmente das mulheres que sofrem com a rotina agitada de profissional, esposa, mãe, dona de casa, e que muitas das vezes são diminuídas pelo padrão de beleza que a sociedade prega e muitas vezes vitimas de seus próprios preconceitos, inseridos na sociedade pelo machismo cultural. Que as mulheres se tornem independentes em tudo e que acima de tudo se cuidem, se amem.

Por isso, foi escolhido o mês de Outubro para a primeira comemoração do aniversário do Grupo Guerreiras do Asfalto, que há 03 anos vem mudando vidas, sem cobrar nada por isso.

Outubro Rosa 2018

As administradoras, que hoje estão à frente desse lindo projeto, Dayanne, Amanda, Kakau, Karine Fraga e Rosely Pereira, fazem o que amam, que é a atividade física, e usam essa paixão pelo esporte para ajudar ao próximo… Incentivando, encorajando, mostrando a cada integrante, que SOMOS TODAS GUERREIRAS, capazes de realizar o inimaginável, promovendo eventos esportivos, sociais e educativos, com o apoio de empresas privadas, e a conseqüência disso, tem sido o crescimento, o sucesso do grupo, o empoderamento feminino, a promoção da saúde em suas diversas formas. E em virtude de tamanha expansão, hoje o Guerreiras do Asfalto é também Guerreiras do Asfalto de Bike e Guerreiras do Asfalto Com Eles. Correndo, caminhando, pedalando, com a amiga ou com o marido, venha fazer parte desse projeto que muda vidas. Comentou Dayanne

Guerreiras do Asfalto se destacam no ciclismo, assim como na corrida. Lívia e Dayanne, terceiro e quinto lugar geral, no DUATLHON SERTÃO EXTREMO.

Em entrevista exclusiva ao bocaiuvaonline Dayanne Prates abordou temas relevantes sobre o Grupo Guerreiras do Asfalto em Bocaiuva

Bocaiuvaonline: A prática esportiva é fundamental para as nossas vidas, entretanto, nem sempre temos tempo ou sabemos como desenvolver tais atividades, na correria do dia a dia, ou simplesmente por não gostar de realizar a atividade física, esta prática sempre fica para segundo plano. Quando você percebeu que gostava e tinha prazer pela prática esportiva? Como se deu o seu relacionamento com o esporte?

Dayanne – Meu relacionamento amoroso, vamos dizer assim, com o esporte se deu em 2015, quando comecei a treinar para participar de provas físicas de concursos públicos. Apesar de há muito tempo já manter uma pratica, sem compromisso, de esportes. Foi quando comecei a correr, entender a importância do esporte, em função da transformação, principalmente psicológica que sofri. O esporte me desligava dos problemas da vida e com o tempo aprendi a li dar melhor com eles… Meu sono melhorou, me tornei uma pessoa com hábitos alimentares saudáveis, disciplinada e determinada em todos os aspectos da vida, fui transformada, de dentro para fora.

Segunda corrida do grupo, primeira corrida das 4 integrantes juntas -Circuito SESI de corridas, em Montes Claros, novembro de 2017. Dia em que recebemos o nome de Guerreiras Do Asfalto.

Bocaiuvaonline – O grupo realiza alguma outra atividade social além da física em nossa cidade?

DayanneSim, além de incentivar a busca pela qualidade de vida no âmbito da saúde física e mental, promovemos ações solidárias tanto na arrecadação e distribuição de alimentos, roupas e artigos esportivas, brinquedos que incentivem a prática de esporte e estimule a cognição dos beneficiários com a doação. Recentemente, fizemos uma ação que resultou na compra de uma bicicleta nova, que foi doada a uma criança oriunda de família carente e desestruturada.

Bocaiuvaonline – O grupo já é bem conhecido em toda a cidade e região, as blusas, bonés e máscaras são frequentemente usados pelas mulheres de e em Bocaiuva, mas para aquelas que por ventura ainda não conhecem o grupo Guerreiras do Asfalto, como que faz para entrar em contato e participar do grupo? Existe alguma mensalidade? Existe algum pré-requisito para participar do grupo?

DayanneA participação no grupo Guerreiras Do Asfalto é totalmente gratuita. Não cobramos mensalidade, nem qualquer outra taxa. Para participar das atividades do grupo, basta entrar em contato com uma das administradoras, citadas acima, e as mesmas vão orientar a interessada a respeito do funcionamento e aquisição do material (uniforme) do grupo, quando houver possibilidade financeira da mesma adquirir. Cada integrante custeia seu próprio material personalizado com a própria administração do grupo.

Bocaiuvaonline – Ao que se pode perceber o grupo é composto por mulheres de várias faixas etárias que participavam, quando podia realizar, de corridas e maratonas em Bocaiuva e região. Quantas e quais são as participantes que mais se destacaram nessas corridas e maratonas?

Dayanne – Não existe limite que não possamos superar, de uma forma ou de outra, por isso, sim, temos mulheres de todas as faixa etárias dentro do grupo. Cada uma respeitando a sua capacidade física, e orientação dos seus médicos. Temos várias histórias de superação, inclusive, convido vocês a nos acompanharem no canal do YouTube Guerreiras Do Asfalto. Já tivemos várias mulheres destaque no grupo, pelo tempo de corrida, quilometragem, inclusive com premiações importantes nas corridas da região.

Primeira corrida rústica do 30º Batalhão de Januária – Dayanne Prates, primeiro lugar geral nos 5km.
Quinto lugar geral, na 9ª Corrida do Exército, Irany.

Bocaiuvaonline – O grupo é formado exclusivamente por mulheres, porém, a maioria tem companheiros, namorados, maridos, filhos e etc. Existe algum outro grupo paralelo ou integrante do Guerreiras do Asfalto que abrange os homens próximos às essas mulheres que queiram realizar a prática esportiva ou simplesmente acompanha-las?

Dayanne – Com o tempo passamos a alcançar toda a família, filhos e maridos podem participar das atividades externas dos grupo, corridas, eventos, viagens; porém, no grupo do whatsapp, onde essas atividades são marcadas e organizadas, só as mulheres participam.

Incentivo à prática esportiva na infância e juventude.

Bocaiuvaonline – Nesse período de pandemias, onde o contato físico foi proibido assim como a realização de eventos, incluindo as corridas e maratonas, como o grupo Guerreiras do Asfalto se manteve unido? Foi criado alguma programação específica? Como as mulheres mantiveram os seus treinamentos?

Dayanne – A pandemia nos impediu de reunir presenciamente e efetivar nossos treinos, não pudemos promover eventos e participar de competições fora da cidade, como de costume, inclusive, não comemoramos o aniversário de 03 anos do grupo, promovendo uma corrida aberta, como queríamos. Mas nos mantivemos juntas, online e praticando nossas atividades. As integrantes continuaram a fazer seus treinos em casa, estimuladas pelo whatsapp e o grupo disponibilizou vídeos e lives, com o apoio de um profissional de educação física, para nortear as meninas em seus treinamentos em casa.

Bocaiuvaonline – Por mais que o grupo seja independente sempre é necessário o auxílio do poder público indiferente da esfera, mas principalmente a municipal, seja na disposição de espaço adequado para treinamento ou até mesmo fornecendo transporte para as mulheres participarem de eventos fora de Bocaiuva. Existe alguma parceria do grupo com o poder público municipal, estadual ou federal para o incentivo à prática esportiva?

Dayanne – Infelizmente não possuímos nenhum apoio público para a manutenção do grupo. Em alguns eventos que promovemos, obtivemos alguma ajuda, específica para tal. Mas não temos projetos em execução junto aos órgãos públicos, realidade que pretendemos mudar a partir deste ano.

Dayanne e Amanda recebendo homenagem do Rotary Clube Bocaiúva.

Gostaria de agradecer o BOCAIUVAONLINE pelo espaço que nos foi dado, sabemos que é um meio de alcançarmos mais vidas e dar visibilidade ao nosso projeto, que precisa do apoio de todos. Agradecer a população de Bocaiúva o reconhecimento que o grupo tem tido, inclusive recebemos monção da Câmara Municipal e homenagem rotariana, no ano de 2019, a agradecer também a todas as integrantes do grupo, pois sem elas nada disso seria possível. E finalizo com nossas hastgs… #GuerreirasDoAsfalto #SomosTodasGuerreiras #JuntasPodemosMais – Dayanne Prates