Cruzeiro mantém olho no mercado e ainda busca lateral-esquerdo e atacante de lado

 Cruzeiro mantém olho no mercado e ainda busca lateral-esquerdo e atacante de lado

Reforço para setor de criação também é alvo da diretoria do clube, que convive com dificuldades financeiras; reforços que chegaram até agora não conseguiram dar resultado

Pressionado para voltar a ter bons resultados, o Cruzeiro inicia uma nova semana com a expectativa de trazer mais reforços. Foi sinalizado pelo presidente do clube, Sérgio Santos Rodrigues, e também pelo técnico Enderson Moreira, que, em breve, chegarão caras novas. De dois a três jogadores são ainda buscados pela diretoria, que prioriza a busca por um lateral-esquerdo e um atacante de lado.

Empório Natural

Lateral-esquerdo porque o Cruzeiro está perto de perder Patrick Brey para o futebol europeu. O jogador sequer foi relacionado para o jogo contra o América-MG. Além disso, João Lucas e Giovanni não têm rendido o esperado. O primeiro também não esteve presente nem no banco de reservas do clássico do último sábado.

No segundo tempo da partida, Enderson recorreu ao jovem Matheus Pereira, que foi elogiado pelo treinador. O ataque também preocupa a diretoria cruzeirense e o treinador, que ainda sente falta de velocidade no ataque. Tem opções de lado, mas que não necessariamente são de velocidade, que jogam no um contra um. Airton, que veio da Inter de Limeira, mostrou ter essa característica. Mas é pouco.

Arthur Caíke, Stênio, Claudinho e Maurício não apresentaram tal velocidade até o momento. A preocupação do clube e do treinador é ter mais opções no setor ofensivo. Enderson já vai ganhar Rafael, que veio do Sport, e chegou a Belo Horizonte na última sexta-feira. O jogador mostrou qualidade no Leão e chega para um novo desafio.

Após a derrota para o América-MG, Enderson Moreira disse que fez avaliações de vários setores, entendendo que há atletas que ainda precisam de mais tempo para mostrar serviço, mas que ainda existem carências no grupo.

– A gente tem jogadores chegando ainda, jogadores que têm muito pouco tempo dentro do elenco. Nós fizemos várias avaliações, de vários setores. A direção está no mercado. Estamos tentando, de todas as formas, dentro das dificuldades que o clube apresenta. – disse o treinador.

O técnico cruzeirense convive com críticas públicas a seu trabalho, até mesmo do mecenas da Raposa, Pedro Lourenço, que pediu a saída do treinador no último sábado.

Enderson já recebeu nove reforços: zagueiro Manoel (volta de empréstimo), laterais Raúl Cáceres, Daniel Guedes, Giovanni, volante Henrique (volta de empréstimo), meias Régis e Claudinho, além dos atacantes Arthur Caíke e Airton. Além deles, também chegou Gui Mendes (foi para o Sub-20).

O Cruzeiro não vence há três rodadas na Série B do Brasileiro, após um início com três vitórias. O time tenta a recuperação para se distanciar da briga contra o rebaixamento.

Fonte: GE